top of page

André Marinho pede demissão da Jovem Pan após discussão com Bolsonaro durante o Pânico


Um dos mais talentosos humoristas do Pânico decidiu pedir demissão da Jovem Pan nesta semana. De acordo com o site TV Pop, André Marinho tomou a decisão após as repercussões internas da sua briga no ar com o presidente Jair Bolsonaro, no dia da inauguração da TV Jovem Pan News.


Ainda de acordo com a reportagem, a direção da emissora ainda não aceitou a sua demissão, pois entende que isso pode reforçar a percepção junto ao público de que a Jovem Pan é uma emissora aliada do atual governo. No entanto, integrantes do Pânico confirmaram a decisão do humorista e já dão a sua saída como certa. Na noite desta quarta (03), alguns funcionário da Jovem Pan chegaram a publicar textos de despedida ao artista nas redes sociais.


Nem Jovem Pan e nem André Marinho emitiram qualquer nota oficial a respeito desse assunto até o fechamento dessa matéria.




1 Kommentar


Tempo de Despertar
Tempo de Despertar
08. Nov. 2021

O André Marinho foi muito deselegante, grosseiro e estúpido. Na inauguração da emissora, marco histórico, algo esperado por muitos brasileiros, inclusive eu que já acompanhava no YouTube, como pode ele se referir ao Presidente de "cara", falar em rachadinha? Esse assunto é para o MP e o Judiciário.

A JP não tem que ter medo de repercutir se é aliado ou não do governo, o jornalismo tem que ser imparcial e honesto.

Gefällt mir
Post: Blog2_Post
bottom of page