CNN Brasil demite a CEO Renata Afonso


O novato canal de notícias promoveu a segunda troca no comando geral desde a sua inauguração. Após o desligamento de Douglas Tavolaro, foi a vez de Renata Afonso pagar o preço pelos resultados insatisfatórios.


Em comunicado interno, Renata confirmou que está deixando o canal. O movimento acontece pouco tempo depois de a CNN Brasil perder o posto de vice-líder do segmento, ao ser ultrapassada pela Jovem Pan. O canal estreou no Brasil em 2020 com a expectativa de brigar pela liderança com a Globo News, algo que nunca se concretizou.


Confira o comunicado da emissora:





"A atual CEO da CNN Brasil, Renata Afonso, anunciou hoje que está deixando a posição, após 19 meses no comando da licenciada brasileira do principal canal de notícias do mundo. Em sua despedida, ela informa que, com o fim da cobertura das eleições, considera ter encerrado um ciclo de mudanças na gestão, focado em relevância e crescimento do canal. Renata Afonso reorganizou a governança corporativa da CNN Brasil, restabeleceu o relacionamento com o mercado publicitário, aumentou o número de anunciantes e de parcerias, além de fortalecer a presença institucional. A cobertura das eleições foi um marco da sua gestão, com reconhecimento da CNN Internacional, pela excelência da cobertura e linha editorial, além de recordes de audiência em todas as plataformas. O canal também registrou o primeiro lugar na média de audiência entre os 17 canais de TV por assinatura, no debate entre os candidatos à presidência no segundo turno. Nesse período, Renata promoveu, ainda, mudanças na liderança executiva, reestruturou processos internos, com novas políticas para a gestão de pessoas, e lançou o projeto de evolução da cultura organizacional. Impulsionou, ainda, as frentes relacionadas à Diversidade, Inclusão e Pertencimento, por meio de iniciativas internas para organização de um time diverso e do lançamento de produtos, como o CNN no Plural. “Renata tem sido uma excelente líder para a CNN Brasil, fortalecendo a reputação da rede de jornalismo premiado e baseado em fatos e incutindo uma cultura forte”, disse Samson Desta, vice-presidente da CNN International. “Desejamos à Renata o melhor em sua próxima empreitada e trabalharemos com a CNN Brasil à medida que avança no sucesso de sua recente cobertura eleitoral”, acrescenta. “O trabalho e a dedicação incansáveis da Renata foram fatores determinantes nesta fase de reestruturação e consolidação da CNN”, disse Rubens Menin, controlador da Novus Midia/CNN Brasil, desejando ainda toda sorte a Renata nos seus novos caminhos. Com o fim do ciclo de liderança da CEO Renata Afonso na CNN Brasil, a empresa passa neste momento por um período de transição, em que o Executive Chairman João Camargo despachará diretamente com os executivos da casa. Em breve será apresentada a nova estrutura de comando da CNN Brasil."